Atenção! Este texto contém spoilers do último episódio da segunda temporada de Scream.

De acordo com as regras básicas de sobrevivência em filmes de terror, o namorado da protagonista é sempre o maior dos suspeitos até que se prove o contrário. O legado de Billy Loomis (Skeet Ulrich), o primeiro amor de Sidney Prescott no filme de 1996, sobreviveu durante todos esses anos graças a criatividade de Hollywood, intercalando o banho de sangue entre o cinema e a tv. Se ser fã de filmes de terror não é o bastante para levar um jovem a matar sua namorada, o que seria?

Essa é uma pergunta que devemos fazer a Amadeus Serafini, o rosto por trás de máscara de Brandonface que aterrorizou a pequena cidade de Lakewood como um discípulo fiel de Billy Loomis. O Hollywood Reporter entrevistou o ator, que revelou detalhes sobre a descoberta do lado obscuro do seu personagem e qual o futuro reservado a Kieran a partir desta revelação.

HR: Na primeira temporada todos acharam que Kieran era o assassino, mas nesta temporada não haviam muitos dedos acusadores apontando para ele. Você viu alguma teoria de fãs que se aproximou da realidade?

Amadeus: Mais ou menos. Há muitas suspeitas de que Kieran não é totalmente inocente e nem totalmente culpado, mas algumas pessoas irão se surpreender. E claro, sempre haverá pessoas achando que sabem de tudo e que não admitem que estão erradas ou que foram surpreendidas.

HR: E nós vimos isso acontecer nos filmes ‘Pânico’…

Amadeus: O lance do namorado já foi feito. O nome é Billy Loomis, não é? Do primeiro filme. Então eu acho que já faz algum tempo. Eles fizeram 4 sequências e depois uma série sobre o tema. Eu acho que eles estão autorizados a voltar com o conceito do namorado.

HR: Quando você descobriu que Kieran era o assassino?

Amadeus: Honestamente, foi uma semana antes [de gravarmos] a season finale. Os showrunners me deram a dica, então tive que acionar meu modo de preparação e voltar à todas as mortes para que fizessem sentido na linha do tempo de Kieran. Eu não sabia se no final eu seria um herói, um sacrifício ou um assassino.

HR: O que você pensou quando descobriu que Kieran e Piper trabalhavam juntos?

Amadeus: Eu fiquei chocado. Eu queria que fosse verdade, mas havia muitas linhas de enredos que mudaram ao longo do tempo. É claro, entre a primeira e a segunda temporada, as coisas mudaram. Nossos produtores executivos mudaram. Eu estava em êxtase. Eu pensei que seria um personagem que morre se sacrificando por alguém [Risos] como muitos personagens no nosso programa. Eu realmente achava que iria morrer, e eles brincaram algumas vezes com isso durante a temporada nas sequencias de sonhos com mortes e facadas. Mas eu estava muito excitado em fazer parte do ranking de assassinos da franquia também.

HR: Depois que você descobriu que era o assassino, como isso o influenciou na maneira como você retrata Kieran na season finale?

Amadeus: Eu tive que tomar cuidado. Você não quer apenas ‘mudar radicalmente’. Tivemos que manter Kieran em uma lenta evolução para a plena loucura, então assim não jogaríamos tudo em cima do público de uma vez. Foi difícil.

HR: Sabendo o que você sabe sobre o passado de Kieran agora, você teria interpretado algum outro momento na série de maneira diferente ou está agradecido por não saber durante todo esse tempo?

Amadeus: Eu definitivamente estou agradecido por não saber, porque é sempre um desafio pegar esse material prematuramente e encaixar na história. É muito sábio da parte dos showrunners (como uma tática) nos privar dessa informação até que tenham exatamente o que querem e entreguem a revelação.

HR: Na última temporada, logo depois de Piper revelar que era a assassina, ela foi morta quase que imediatamente. Mas Kieran chegou vivo até o final da segunda temporada, apesar de agora estar na cadeia. O que isso significa para você numa [possível] 3ª Temporada?

Amadeus: É um horizonte obscuro, eu realmente não sei. Não sei o que pode acontecer na 3ª Temporada, caso tenha ou não tenha. E quanto ao que pode acontecer a meu personagem, eu também não sei. É engraçado não saber e voltar para aquele estado de ‘eu não faço ideia’. É como eles conseguem manter o programa, com todos nós às escuras. É uma tática para deixar quase todos os atores acreditarem que seus personagens podem ser o assassino e usar isso na trama, capturando momentos singulares de suspeitas ou intenções no olhar. Depois é só tirar tudo isso e entregar a uma pessoa. Eu acho que funciona muito bem.

HR: Brandon James (ou alguém afirmando ser ele) ligou para Kieran na prisão na última cena da finale, então realmente parece que a sua história não terminou.

Amadeus: Isso parece promissor, não é? Brandon James realmente está por aí? Eu não sei. Tem sido uma jornada excitante e eu espero que continue. Eu me pergunto o que Kieran fará agora que está na cadeia. Me pergunto o que sua captura vai fazer com ele. Eu espero que a gente possa mostrar isso.

HR: Como foi filmar essa grande revelação em que Kieran atira em Eli e confessa para Audrey e Emma?

Amadeus: Foi uma loucura. Nós estávamos nos esforçando de verdade para terminar este episódio, e nós estávamos empacados por dias, fazendo o dobro de filmagens para acertar em cheio no final. Foi muito intenso; tivemos filmagens noturnas, é claro, e era um cronograma apertado, então foi tudo muito agitado. Foi incrível trabalhar nisso com Willa, Bex e Sean. Todos estavam vibrando e se conectando com a energia um do outro. Foi a cena mais emocionante que filmei em toda a série.

HR: Você acha que Kieran se sente um tanto culpado pelos assassinatos que cometeu, especialmente o de Eli, que era da família?

Amadeus: Eu não acho que há culpa. Ele cometeu muitos assassinatos; e é claro, não sabemos se ele já era um assassino antes de conhecer Piper ou se foi ela quem o incentivou a matar pela primeira vez. Mas não, não acho que há algum tipo de remorso da parte dele. Acho que ele está muito, muito chateado por ter sido pego. Ele é um cara que trabalhou meticulosamente, a toda a hora, planejando todos esses assassinatos com todas aquelas câmeras e tecnologias. Ele tinha que saber melhor. Ele causa incêndios, mata pessoas, filma as mortes e depois troca de roupa e aparece de novo. Ele realmente é um cara inteligente e podia ter se livrado disso. Deu muito trabalho e tudo foi ele quem fez.

E você, acertou a identidade do assassino? Não se esqueça de comentar.

Mas tome cuidado.
Você e seu namorado podem estar na sequência.

FONTE
Tradução e Adaptação: Equipe Scream Brasil

Deixe seu comentário

você deve estar logado para deixar um comentário.

Close
Please support the site
By clicking any of these buttons you help our site to get better
Design por Lorrayne
Programação por por Gabriela Gomes
Scream Brasil - Todos os direitos reservados